Criador curriculo online

Carta de Apresentação

Guia de como fazer uma carta de apresentação para um emprego

Você está precisando escrever uma carta de apresentação para se candidatar a um emprego? Na maioria dos casos, os candidatos precisam apresentar este papel para concorrerem a uma vaga no mercado profissional.

A sua carta de apresentação pode fazer a diferença entre obter uma entrevista de emprego ou ter o seu currículo ignorado, é por este motivo que faz sentido dedicar pelo menos um pouquinho de tempo e de esforços necessários para escrever um modelo de curriculo e cartas de apresentação eficazes.

Neste artigo, traremos toda a informação que você precisa para escrever uma carta de apresentação profissional que fará com que seu currículo seja notado com mais facilidade. Analise estas dicas sobre o que incluir neste documento, como formatá-lo e veja também exemplos de cartas de apresentação escritas sob a ótica de pessoas que entendem do assunto para você não errar na hora H.

 

O que é a carta de apresentação

Antes de qualquer pessoa começar a escrever uma carta de apresentação profissional, primeiramente é essencial que este indivíduo se familiarize com o assunto, portanto, em primeiro lugar devemos conhecer o objetivo do documento.

Uma carta de apresentação nada mais é que é um papel o qual é enviado juntamente com o seu currículo quando você se candidata a uma vaga de emprego, a função principal deste documento é fornecer informações adicionais sobre suas habilidades e experiência.

A carta de emprego fornece informações detalhadas sobre o porquê você se mostra qualificado e apto para o trabalho para o qual está se candidatando, pense na sua carta de apresentação como um discurso de vendas que tem o intuito de comercializar as suas credenciais e ajudar você a conseguir a tão sonhada entrevista.

Saiba que atualmente, com a concorrência acirrada do mercado de trabalho em escala mundial, as empresas e empregadores estão cada vez mais exigentes na busca por profissionais qualificados, é por isso que se destacar já não é mais uma opção e sim uma obrigatoriedade que todos candidatos devem notar.

Mesmo que você não tenha experiência laboral, não se preocupe, pois o importante é demonstrar, através destes documentos e atitudes, que você está atualizado sobre os requerimentos que as empresas costumam solicitar no recrutamento e seleção de pessoas no mercado profissional.
Dessa forma, você quer ter certeza de que sua carta de apresentação causará a melhor impressão à pessoa que a está analisando.

Então lembre-se, a carta de emprego consiste em um resumo sucinto das suas qualificações, ela deve vender de forma clara e precisa as suas experiências e atributos que serão inerentes e importantes ao cargo que se pretende desempenhar.

Não poupe esforços para elaborar este documento tão interessante, ele deve acompanhar o currículo enviado e demonstrar em poucas palavras um pouco do seu potencial para que o recrutador fique com um gostinho de quero mais.

Porque incluir a carta de apresentação para uma vaga de emprego

As regras de etiqueta profissionais recomendam que é de praxe que a carta de emprego geralmente acompanhe cada currículo enviado, isto, principalmente para aquelas empresas consideradas mais formais e também para os cargos altos, como de executivos e diretores, contudo, não fique estagnado nisso, nos dias de hoje é mais comum do que você imagina solicitarem cartas de apresentações para vagas de estagiários e menores aprendizes, por exemplos.

  • Também não atenha-se somente às regras, lembre-se do objetivo deste documento, que torna o seu perfil profissional mais atraente aos olhos de quem lê.
  • Os empregadores usam as cartas de apresentação como forma de selecionar pessoas para vagas disponíveis e determinar quais candidatos eles gostariam de entrevistar.
  • Entregar a carta é opcional, mas se o empregador exigí-la, isso será listado no anúncio de emprego, de qualquer forma mesmo que a empresa não peça, você pode querer incluir uma de qualquer maneira, isso mostrará que você colocou algum esforço extra em sua aplicação.


Agora que você já sabe os benefícios e as razões para incluir este documento na sua candidatura, vamos apresentar como fazer uma boa carta de apresentação, descrevendo com todos os detalhes o passo a passo para que o seu curriculo profissional seja cada vez mais rico e chamativo.
Uma carta de apresentação bem escrita ajudará a notificar sua inscrição e a garantir uma entrevista naturalmente, aproveite o tempo para personalizá-la e mostre ao empregador porque você é um candidato sólido para o trabalho.

Como escrever a carta de apresentação

Como fazer a carta de apresentação não é uma tarefa tão simples quanto se imagina, muitos candidatos têm dificuldade em desenvolver o documento e não é para menos, muitas vezes, falar de si é demasiado complicado, ainda mais quando temos que redigir uma redação curta vendendo os nossos principais atributos.

Para fazer uma boa carta de apresentação você deve ter em mente que o objetivo profissional deve ser claro e direto, ela deverá transmitir a sua experiência e características marcantes que sejam relevantes à posição desejada.
Não adianta escrever uma redação para o vestibular!

Estamos falando de uma documento sucinto, simples, de leitura agradável e rápida, a mesma regra para o currículo vale aqui! Documentos extensos são chatos de ler, eficiente é o candidato que consegue transmitir em poucas palavras suas principais atribuições, despertando a curiosidade dos recrutadores para uma futura conversa.

Uma carta de apresentação boa deve complementar e não duplicar o seu currículo, sua finalidade é interpretar o CV voltado para os dados e fatos, além de adicionar um toque pessoal à sua inscrição para a vaga.

Ela será, na esmagadora maioria das vezes, o seu primeiro contato por escrito com um empregador em potencial, criando uma impressão inicial crítica que ele lhe atribui.
Cartas de apresentação eficazes explicam as razões do seu interesse na organização específica e identificam suas habilidades ou experiências mais relevantes. Determine a relevância lendo atentamente a descrição do trabalho, avaliando as habilidades necessárias e combinando-as com suas próprias características pessoais e laborais.

Pense em casos em que você aplicou essas habilidades e como seria interessante aplicá-las na posição disponível, você pode começar criando uma lista do que incluir em uma carta de apresentação para um trabalho antes de começar a desenvolvê-la de fato.

Então vamos lá, seguem algumas dicas simples de como fazer uma boa carta de apresentação, siga estas orientações básicas e arrase de vez na sua candidatura.

Faça uma leitura cuidadosa da descrição da vaga

A maioria das pessoas já começa errado, achando que a carta de apresentação deve fazer referência única e exclusivamente ao candidato. A primeira coisa que temos que ter consciência é se o trabalho se encaixa no nosso perfil profissional e inclusive no nosso desejo de crescimento pessoal. Leia sobre a missão, os valores e os objetivos da organização, uma vez se identificando com a vaga e a empresa, você simplesmente reconhece onde sua melhor experiência poderia ser introduzida e aproveitada no posto ofertado.


Escolha os requisitos da empresa que você se identifica mais

Seja discriminatório sobre quais requisitos da empresa você escolhe destacar, pois você pode usar essas seleções para criar uma tabela ou parágrafo exclusivo em sua carta de apresentação. Os pontos escolhidos devem ser os que são mais significativos para a posição, mas também os que fornecem exemplos específicos convincentes sobre sua experiência.


Não se esqueça de incluir o cargo pleiteado na carta de apresentação

O candidato deve descrever na carta de apresentação qual é a vaga de emprego que está solicitando, de preferência inclua o cargo no parágrafo de abertura, não se esqueça de especificar como você aprendeu sobre o trabalho e envie um encaminhamento se tiver um.


Mostre que você é qualificado para o trabalho

Seja específico nesta etapa, aqui deve ser descrito o que você tem a oferecer para o empregador e o motivo pelo qual deseja trabalhar nessa empresa específica, combine suas habilidades com a descrição do cargo, lembre-se da missão, visão e dos valores organizacionais, se estes se alinham com a sua personalidade, também poderão ser mencionados em sua carta de forma breve.


Agradeça por ser considerado para o trabalho

Não se esqueça de agradecer por ser considerado para a vaga em questão, candidatos que se empenham sempre são considerados e tem os seus currículos e cartas de apresentação lidas, mesmo que existam outras pessoas com perfis profissionais mais alinhados ao trabalho oferecido, o simples fato do esforço exercido em desenvolver os documentos para a sua candidatura já é visto como um diferencial, um ponto extremamente forte.
Não se engane! Há inúmeros casos onde os documentos para recrutamento são reaproveitados para outros processos seletivos, especialmente os bem elaborados, que são lembrados pelos recrutadores com muito mais facilidade em novas oportunidades de emprego, por isso, seja sempre agradecido e fique orgulhoso com o seu trabalho, além disso, nunca desista do seu ideal.

Formato da carta de apresentação

Aqui você tem o formato ideal de como fazer carta de apresentação para currículo pronta, tudo de maneira simplificada mas que garantimos encher os olhos dos contratantes mais exigentes do mercado de trabalho.
Este documento deve acompanhar o seu perfil profissional, descrito no curriculum vitae, ele consiste em um resumo das suas qualificações e os motivos pelos quais você é um candidato forte para exercer o cargo oferecido.
A carta de apresentação para currículo pronta têm, geralmente, um formato único e simples, ela deve ser escrita no máximo em uma folha.
Então mãos à obra! Mostraremos agora o formato básico de uma carta de apresentação:

Cabeçalho

Comece com as suas informações de contato e do empregador, como nome e sobrenome, endereço com cidade, estado e número de telefone, e-mail, seguidos da data.

Dica: Se este for um e-mail em vez de uma carta de apresentação real, inclua suas informações de contato no final da carta, após sua assinatura.

Saudação

Inicie o primeiro parágrafo com uma saudação, por exemplo: “Dr. / Sr. / Sra. Sobrenome”. Se não tiver certeza se seu contato é masculino ou feminino, você pode escrever o nome completo.

Dica: Se não souber o nome do empregador, basta escrever “Caro gerente de contratação” ou “Caro departamento de recursos humanos”. Isso é melhor do que algo genérico como, “A quem possa interessar”.

Introdução

Na introdução o candidato deve informar qual trabalho está solicitando, explique onde encontrou sobre a vaga ofertada, especialmente se você ouviu falar sobre isso com um contato associado à empresa. Mencione brevemente como suas habilidades e experiência combinam com a organização e posição.

Dica: Isso dará ao empregador uma prévia do restante da sua carta, chame a atenção do leitor, seja mencionando um contato que falou sobre a vaga, ou sua excitação sobre a possibilidade de trabalhar na empresa, ou até mesmo fazendo referência à sua melhor característica profissional.

Corpo

Em um ou dois parágrafos explique as razões que despertaram seu interesse no trabalho e porque você é um excelente candidato para o cargo, mencione as qualificações específicas listadas no anúncio de emprego e explique como você atende à essas qualificações.

Dica: Não basta dizer o que você é, um diferencial é usar exemplos tangíveis de sua experiência de trabalho para mostrar essas características em ação. Faça parágrafos curtos e específicos, você pode também fazer uma lista com as principais atribuições.

Fechamento

Por fim, retifique como suas habilidades fazem de você um forte candidato para a empresa ou posição, se você tiver espaço informe porque você gostaria de trabalhar nessa empresa específica.

Dica: Seja ousado! Declare que você gostaria de ter a oportunidade de ser entrevistado e discutir oportunidades de emprego, não se esqueça de agradecer ao empregador por sua consideração.

Assinatura

Use um fechamento de cortesia e termine sua carta de apresentação com sua assinatura, escrita à mão, seguida de seu nome digitado.

Dica: Se a carta de apresentação for um e-mail, basta incluir seu nome digitado, seguido de suas informações de contato, após o fechamento.

Apesar do modelo simples que listamos acima, nada impede que o candidato dê o seu toque pessoal ao documento, personalize a sua carta de apresentação do jeito que mais combina com você, Demonstre a sua criatividades, só não se esqueça do seu objetivo principal.

Dicas para fazer a carta de apresentação

Encontrar emprego não está fácil pra ninguém, então fique ligado!
Aqui vão algumas orientações e conselhos finais para você não errar na hora de elaborar a sua carta de apresentação, esse documento é muito eficiente e dá força à candidatura de uma pessoa diante da concorrência acirrada que vemos todos os dias no mercado de trabalho.

Lembre-se de que não basta repetir o que está no seu currículo, em vez disso, inclua informações específicas sobre porque você é uma boa parceria para as exigências de trabalho deste empregador.
Outra coisa que é muito importante é não escrever muito. Mantenha sua carta focada, concisa e com alguns parágrafos de comprimento. É importante transmitir informações suficientes para convencer o gerente de contratação a entrar em contato com você para uma entrevista. Nunca ultrapasse uma página de redação, se você escrever muito, provavelmente nada será lido.

Procure saber mais sobre as diferenças entre fazer um currículo e uma carta de apresentação para garantir que você comece a escrever sua carta com a abordagem correta.
Um simples equívoco, como um pequeno erro de gramática ou digitação, pode fazer com que a sua aplicação seja imediatamente excluída da lista, por outro lado, mesmo se a sua carta de emprego estiver isenta de erros e escrita impecavelmente, se for genérica, não fazendo referência à empresa ou a quaisquer detalhes da descrição do trabalho ofertado, muito provavelmente, ela poderá ser rejeitada pelo departamento de contratação.

É muito importante que a sua carta seja adaptada a cada posição a que se candidata. Isso significa mais do que apenas mudar o nome da empresa no corpo da carta, afinal, o objetivo da carta de apresentação é um só, destacar você e suas principais qualificações atreladas às atribuições requeridas no cargos diante de milhares de outros candidatos que também estão batalhando por esta parcela no mercado profissional.