Sua carta de apresentação comete algum destes erros?

Sua carta de apresentação comete algum destes erros?

Para ter sucesso na busca por um bom emprego, é importante demonstrar sua capacidade em cada etapa da comunicação com potenciais contratantes. Por isso, é bom saber como preparar uma carta de apresentação à altura de seu currículo.

Assim você fica em vantagem, pois muitas pessoas só se lembram da carta quando ela é exigida para a candidatura a uma oportunidade de trabalho. Além disso, a carta faz parte da etiqueta profissional no envio do CV.

Então, fique alerta para evitar os erros que listamos a seguir.

5 erros mais comuns em carta de apresentação profissional

Começar com uma saudação ultrapassada

Evite o tratamento antiquado e impessoal, como “Prezado Senhor” ou “A quem possa interessar”. O ideal é incluir o nome e sobrenome do destinatário. Se você não tem esse contato, pesquise! Caso não encontre, prefira algo neutro como “Caro Gerente de Recursos Humanos”.

Usar linguagem inadequada

Gírias, emojis ou abreviações, do tipo que se usa em mensagens de texto, são os principais exemplos de linguagem inadequada. No entanto, um estilo formal demais também pode soar forçado. E atenção: evite falar sobre si na terceira pessoa. Não tenha vergonha de afirmar “trabalhei em tal empresa”, “estudei em tal lugar”. Afinal, é você quem assina a carta!

Deixar o conteúdo muito genérico

Uma carta de apresentação profissional é o espaço ideal para a personalização do conteúdo. Aproveite para demonstrar interesse por uma vaga ou área em particular, além de citar 2 ou 3 pontos que podem convencer o recrutador de seu potencial para atuar na empresa. Por isso, sempre adapte a carta às características da candidatura — incluindo palavras-chave, se possível.

Se estiver em dúvida, confira nossos outros artigos sobre carta de apresentação.

Cometer exageros

Evite escrever um texto lotado de adjetivos, enumerando suas habilidades profissionais de forma desconexa ou mencionando características pessoais que não sejam relevantes. Lembre-se que quem vai ler sua carta tem o olhar treinado para identificar qualquer tentativa de enrolação. Portanto, controle a ansiedade em agradar. Edite seu texto para que não fique muito longo ou confuso. Tudo é uma questão de manter o foco e o equilíbrio.

Relaxar na revisão

Quando se pretende estabelecer uma boa comunicação com um potencial contratante, todos os detalhes contam. Da maneira como você se expressa até as suas escolhas em termos de formatação. É por isso que uma boa revisão se torna essencial. Confira se os seus argumentos estão bem explicados, se a aparência de sua carta é agradável e tudo nela contribui para facilitar a leitura. Mas, acima de tudo, corrija eventuais erros gramaticais ou de digitação. Afinal, esse tipo de descuido pode arranhar a imagem de competência que você está tentando apresentar.

Dicas-bônus para acertar na carta de apresentação

  • Por mais que o seu CV contenha todos os seus dados, não deixe de colocar seus contatos também na carta de apresentação. Pode ser apenas o um número de telefone e endereço de e-mail, logo abaixo de seu nome na assinatura. Essa é uma atitude simpática e eficaz, pois facilita a vida de quem está a cargo da seleção de pessoal;
  • Se você está entrando em contato com a empresa em resposta a uma indicação ou anúncio, é importante mencionar isso. Inclusive, muitas publicações sobre oportunidades de emprego já contém o nome correto da vaga ou informam o que você deve citar na carta — leia com atenção.
  • Além de revisar o texto de sua carta, não se esqueça de checar os detalhes de envio por e-mail ou através de um aplicativo/site: grafia correta do destinatário, texto na caixa de assunto, nomeação correta dos anexos etc. Faça isso antes de clicar no botão enviar.

Prepare-se para o sucesso

A carta de apresentação é uma ótima ferramenta para alavancar os seus contatos na procura pelo emprego dos seus sonhos. Aproveite estas informações e comece a escrever agora mesmo. Como você já sabe o que deve ser evitado nesse tipo de comunicação, não tem como errar!