Currículo de Porteiro

Comece agora mesmo a escrever seu currículo de porteiro

Faça o seu curriculo agora

Modelo de currículo de Porteiro

Ideias e conselhos para o currículo de Porteiro

A profissão de porteiro vem sendo mais valorizada ultimamente e isso é muito bom para quem está em busca de novas oportunidades de trabalho nessa função.

Com as mudanças nas leis trabalhistas brasileiras, há um melhor entendimento da diferença entre porteiro e vigia (que fazem parte de uma mesma família de ocupações).

A nova legislação estabelece os direitos e deveres do agente de portaria de forma mais clara, com a classificação por campos de trabalho, tais como porteiro de edifício, porteiro industrial, atendente de portaria em hotel, porteiro de locais de diversão — além da contratação de porteiros concursados para órgãos municipais, estaduais ou federais.

Em sua procura por vagas de porteiro, você vai encontrar cada vez mais anúncios que pedem para enviar currículo. Então, chegou a hora de preparar um currículo de porteiro que demonstre o quanto você pode ser eficiente nesse tipo de emprego.

Como um futuro contratante não tem como ver você em ação no dia a dia, o CV deve valorizar a sua capacidade de controlar o acesso de pessoas a um estabelecimento, receber correspondências e outros tipos de entregas, monitorar a entrada de prestadores de serviços, atender a todos com cordialidade e manter as coisas em ordem em uma portaria.

Veja aqui como fazer um currículo simples para aumentar as suas chances de contratação:

Conselhos essenciais para o teu curriculum vitae

Formato

Cronológico

Design

Currículo simples

Foto

Não

Seções principais

    Obrigatório

  • Dados pessoais
  • Experiência Profissional
  • Educação

    Opcional

  • Objetivo
  • Referências
Tamanho do currículo

1 página

Formato

O formato de currículo cronológico é o ideal para vagas de porteiro, pois apresenta as suas informações do jeito que os contratantes estão acostumados a verificar. É comum que eles procurem logo saber quando e onde você trabalhou, para entender se você tem a experiência profissional desejada.

Mas não se preocupe porque você não vai ter que fazer toda a formatação do seu CV por conta própria. Basta selecionar um modelo de currículo pronto para preencher e aproveitar as dicas deste guia para completar corretamente as seções.

Design

Um design de currículo simples é suficiente para fazer com que os contratantes tenham uma boa impressão sobre o seu trabalho. Afinal, o visual neutro e bem organizado ajuda a destacar as suas informações, além de demonstrar que você é uma pessoa atenta e cuidadosa.

Você pode até escolher um modelo com algum detalhe colorido, mas lembre-se que o conteúdo é mais importante do que o visual.

Foto

Não é costume colocar uma foto no currículo de porteiro. Se o contratante precisar de uma fotografia sua para ficha cadastral ou crachá, é provável que ele faça direto no sistema da portaria.

Seções principais

  • Dados Pessoais
  • Experiência Profissional
  • Educação

Dica: Na seção de Dados Pessoais, você não precisa incluir números de RG, CPF, carteira profissional ou outros documentos. O que não pode faltar é o seu nome completo, sua idade ou data de nascimento, endereço com bairro/cidade e telefone. E se você costuma acessar sempre um e-mail, pode informá-lo também como contato.

Tamanho do currículo

Seja para enviar currículo por e-mail ou imprimir no formato A4, o ideal é que o CV não tenha mais do que uma página. É claro que você pode acrescentar outra página para não deixar o visual estiver confuso por excesso de informações, mas é melhor manter o currículo enxuto — confira as dicas a seguir para conseguir isso com facilidade.

Seções para o currículo de Porteiro

Experiência profissional

Uma das primeiras coisas que o contratante vai verificar em seu CV é se você possui experiência como porteiro, se já teve algum outro emprego com função parecida e/ou se em sua trajetória profissional demonstra que você possui o grau de responsabilidade exigida no trabalho em uma portaria.

Por isso, a sua seção de Experiência Profissional faz toda a diferença na conquista de um emprego como porteiro.

É importante apresentar essas informações em ordem cronológica inversa. Ou seja, primeiro você coloca seu emprego atual (ou o mais recente) e depois continua a lista na sequência, como se estivesse voltando no tempo.

Os dados que você precisa colocar aqui são: cargo, nome do edifício ou estabelecimento, bairro/cidade e o tempo em que trabalhou lá. Vale mencionar cargos de porteiro de prédio, porteiro de escola, porteiro noturno… ou até em cargos como recepcionista ou vigia. Mas você não precisa incluir todos os empregos de sua vida nessa lista.

Educação

Coloque na seção de educação o seu grau de escolaridade com o ano de conclusão e o nome da escola com bairro/cidade.

Se tiver, inclua aqui os cursos ou certificados que sejam relevantes para o emprego de porteiro, tais como treinamento em segurança no trabalho, primeiros socorros e até informática — já que muitas portarias utilizam sistemas de registro informatizado.

Objetivo

Fazer um resumo profissional de 2 a 3 frases para incluir na seção Objetivo ajuda a convencer os contratantes de que você tem o que é preciso para conquistar o emprego.

Essa é uma seção opcional, mas recomendamos que você a preencha usando palavras-chave e verbos de ação listados abaixo.

Outra dica importante: você pode sempre adaptar o seu resumo para aproveitar melhor cada oportunidade. Como um exemplo, se no anúncio de uma vaga está escrito que o porteiro deve fazer pequenos reparos, mencione aqui a sua experiência em serviços de manutenção (se você tiver). Da mesma forma, para uma vaga que requer conhecimentos de informática, você pode mencionar que trabalhou em uma portaria com uso de câmeras para registro, por exemplo.

Vocabulário específico e conselhos de redacção

Palavras chave

  • Atenção
  • Responsabilidade
  • Disciplina
  • Cordialidade
  • Pontualidade
  • Dedicação
  • Atendimento
  • Dinamismo

Verbos de ação

  • Atender
  • Controlar
  • Observar
  • Identificar
  • Acompanhar
  • Comunicar
  • Orientar
  • Zelar

Exemplo de CV de Porteiro

Exemplo de CV de Porteiro

Porteiro profissional com 6 anos de experiência, treinamento para registros em sistemas informatizados e excelentes referências no atendimento a moradores, visitantes e prestadores de serviços em grandes edifícios. Pretendo fazer parte da equipe de funcionários deste condomínio no cargo de porteiro noturno.

Estas são minhas principais competências para a função:

  • Controlar o acesso às dependências do edifício sob minha responsabilidade
  • Facilidade de comunicação com os moradores e demais usuários do condomínio
  • Respeito às regras do condomínio
  • Disposição para atender com presteza às solicitações
  • Lidar com o recebimento e entrega de mensagens e encomendas
  • Monitorar o estacionamento, orientar manobras e identificar vagas correspondentes a cada unidade
  • Capacidade de realizar pequenos reparos de elétrica ou hidráulica
  • Dar suporte à equipe de vigilância, comunicando ocorrências e fazendo chamadas de emergência quando necessário
  • Sou pontual, prestativo e procuro sempre recepcionar as pessoas com simpatia
Faça o seu curriculo agora
  • Experiência
    6 anos
  • Educação
    Ensino fundamental completo